terça-feira, 10 de novembro de 2009

ÀNKÉMI LÉTÍ


Uso nos terreiros:


Folha usada para atrair prosperidade, utilizada na iniciação, no àgbo e no ritual de “abrir a fala” do orixá. É uma folha feminina, ligada ao compartimento Terra e gún.

Nos terreiros, esta folha é mais conhecida pelos nomes akonijé ou jokonijé. Segundo Barros (1993:109) seu nome jokonijé significa “senta sossegado”, todavia, alguns informantes traduzem-no como “sentada ela come”, o que é reforçado pelo fato, desta espécie, em alguns terreiros, ser colocada sob os assentamentos por ocasião das oferendas e sacrifícios de animais.


Uso em Ifá:


Verger apenas cita como mil-homens, jarrinha e papo-de-peru, a espécie aristolochia ringens Vahl., com o nome Yorubá Ànkémi létí (1995:635), mas não esclarece se o nome latino trata-se de sinonímia da espécie utilizada no Brasil.


Nome popular: Jarrinha, cipó-mil-homens, papo-de-peru

Nome latino: Aristolochia cymbifera Mart., Aristolochiaceae.

3 comentários:

  1. gostaria de saber se este tem cheiro

    ResponderExcluir
  2. Estou acompanhando seu blog e gostaria de parabenizá-lo pelo trabalho... achei muito legal, inclusive por postar os ofós de algumas ewés.
    Estou ancioso para a próxima postagem... srsrsrs

    Ossain lhe permita muito conhecimento...

    Abraço,


    Igor.

    ResponderExcluir